READING

10 aforismos para a arte de compartilhar

10 aforismos para a arte de compartilhar

1
O ser humano, ao contrário dos gatos e das borboletas, é um ser social por natureza, como já nos disse Aristóteles. Não só precisamos de outro indivíduo para reproduzir e perpetuar nosso legado quanto desde sempre nos organizamos em grupos em prol de um mesmo plano de sobrevivência.

Em consequência dessa organização grupal, obrigatoriamente compartilhamos, seja uma conversa em volta da fogueira ou em volta de uma mesa de bar. Compartilhamos a caça, as idéias,  os momentos e os sentimentos. Somos, então, animais compartilhadores desde os tempos das cavernas.

2
Na música e na poesia, Tom Jobim já nos disse que é impossível ser feliz sozinho; e nenhum homem é uma ilha, sentencia também John Donne.

3
O significado de compartilhar no dicionário é: ter ou tomar parte em; participar de; partilhar. Logo, para COMPARTILHAR você necessariamente precisa ter/ser aquele objeto/momento/sentimento, senão como oferece-lo aos próximos?

Sempe-cat
4
Compartilhar não é apertar um botão e publicar na sua linha do tempo. Compartilhar não é estar só em uma multidão. Compartilhar não tem nada a ver com a quantidade de livros que você leu ou quantos amigos você possui.

5

Compartilhar não é atribuir ao outro o valor daquilo que você está compartilhando. Compartilhar nem se quer é dar e muito menos somente receber.
6
O compartilhamento acontece quando o sentido do objeto/momento/sentimento já é tão absoluto que você gostaria de compartilhá-lo, porém cotidianamente teimamos em encher os objeto/momento/sentimento de significado somente se outros contribuírem, distorcendo completamente o verdadeiro sentido de compartilhar.

Quantas foram as vezes que em busca de amor próprio procuramos a aprovação amorosa de alguém? Ou para nos sentimos pertencentes a um grupo social contamos a quantidade de aprovação? Quantas foram as curtidas que você recebeu naquela sua foto de perfil? E quantas foram as vezes que você deixou de gostar de algo ou titubeou naquelas suas idéias acerca de determinado assunto porque não obteve um feedback positivo?

ZZ79B79986

7
Em contra partida, sentimos vontade de compartilhar tudo aquilo que faz sentido dentro de nossa visão de mundo, tudo aquilo que nos provoca estesia e até mesmo aquilo que nos tira o sono. Quantas foram as vezes que você gostou muito de uma música que naturalmente pensou que o mundo deveria ouvi-la e apreciá-la tanto quanto você? Quantas foram as vezes em que em momentos de tristeza você quis ter um ombro pra chorar?
8
“Mais vale um pássaro na mão do que dois voando” assim como mais vale um compartilhar verdadeiro do que dois banais. Se o objeto/momento/sentimento não tem valor algum para você porque deveria ter para o outro? E porque então compartilha-lo?
9

Compartilhar futilidades nos cega dos compartilhamentos realmente relevantes.

10
É impossível ser feliz sozinho porque ao ser feliz você quererá compartilhar. Assim como em momentos de dificuldade é imprescindível a companhia daqueles que fazem a diferença.

Post escrito por mais de um colunista, um parceiro convidado, ou um artigo enviado por um de nossos leitores. Para colaborar conosco, ou sugerir alguma pauta, basta enviar um e-mail para contato@mz.rec.br.

RELATED POST

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSTAGRAM
ACOMPANHE NOSSAS NOVIDADES